Prezado usuário, este portal não é compatível com o navegador Internet Explorer ou outros navegadores antigos.

Recomenda-se o uso de versões atualizadas dos navegadores Google Chrome, Microsoft Edge ou Mozilla Firefox.

A implantação do Programa de Investimento Florestal (FIP) para a proteção do Bioma Cerrado: Uma análise crítica

daniela braga fernandes.png

Trabalhos acadêmicos

Autor:
Daniela Braga Fernandes
Data:
01/01/20
Áreas temáticas:
Institucional Institucional
Palavras-chave:
Coletânea acadêmica Programa de governo Preservação ambiental Bioma
Unidades técnicas:
ISC

Este trabalho estudou a importância de programas governamentais para a proteção do bioma Cerrado, tendo como estudo de caso a realização de uma análise crítica e documental do Programa de Investimento Florestal (FIP) do governo federal. O FIP foi criado e implantado pelo Ministério do Meio Ambiente – MMA, do Governo Federal em 2011. O bioma Cerrado é considerado o segundo Bioma mais rico do mundo em biodiversidade e o segundo mais rico do Brasil, atrás apenas da Amazônia. No entanto, por também ser considerado a área de maior potencial agrícola do planeta, também se apresenta bastante susceptível e vulnerável aos impactos negativos provenientes, principalmente, das atividades agropecuárias e dos ecossistemas urbanos. O início da degradação ambiental se deu com a Marcha para o Oeste, que foi um movimento ocorrido durante a Era Vargas (1930-1945) e depois com a implantação da capital do país, Brasília, e com a descoberta de tecnologias agronômicas, que possibilitaram relevante desenvolvimento da agricultura e pecuária. Diante desse preocupante cenário e por ser também possuidor de importantes bacias hidrográficas, o bioma Cerrado carece de ações governamentais que visem a sua conservação, por meio de medidas de uso sustentáveis e de preservação. O FIP encontra-se em pleno desenvolvimento e já possui alguns resultados conspícuos, a serem apresentados e criticados, tanto em seus aspectos positivos, como os negativos, por meio de uma análise crítica. Para tanto, foi feito um levantamento de dados e informações provenientes de revisão bibliográfica em consultas a sítios eletrônicos governamentais e de plataformas de trabalhos acadêmicos, além de entrevistas como o senhor Pedro Bruzzi, Gestor do Projeto FIP, por parte da Funatura, entidade coordenadora de execução, visando obter dados e informações sobre o referido programa tais como seus projetos, estágio de desenvolvimento, recursos utilizados e previstos, atores envolvidos, metas, resultados obtidos etc. Após a análise crítica, percebeu-se a importância e premência de programas governamentais para a proteção do bioma Cerrado, tendo como estudo de caso a realização de uma análise crítica e documental do Programa de Investimento Florestal (FIP) do governo federal. Alguns projetos ligados ao FIP já obtiveram bons resultados, mas a maior parte encontra-se em desenvolvimento e ainda não compreende toda a área desse importante bioma.