Imprensa

  • Abr 11, 2019 TCU apoia operação Infinita Highway Operação da Polícia Federal, com o apoio do Tribunal de Contas da União, investiga fraudes na manutenção de estradas e pedágios. Contratos de concessões rodoviárias federais podem ter sido utilizados para o cometimento de crimes e arrecadação indevida de pedágio estimada em pelo menos R$ 330 milhões

    A Polícia Federal (PF), com a participação do Tribunal de Contas da União (TCU), realizou, na manhã desta quinta-feira (11), a operação Infinita Highway.  A ação teve como objetivo localizar e apreender processos, documentos, relatórios, computadores, mídias e smartphones com vistas a apurar possíveis crimes de estelionato qualificado, associação criminosa e corrupção, e, também, contra o sistema financeiro. 

    As irregularidades sob investigação apontam para a arrecadação indevida estimada de pelo menos R$ 330 milhões em cobrança de pedágio dos usuários. Tais valores decorrem de problemas relacionados à baixa qualidade dos serviços prestados pelas concessionárias.

    As ações foram autorizadas pelos juízes de direito das comarcas de Goiânia, Vitória e Salvador.  Na operação policial, são cumpridos mandados de busca e apreensão nessas capitais, além de Brasília, Curitiba e Belo Horizonte. As irregularidades e os crimes teriam ocorrido a partir de 2011, relacionados a pelo menos três contratos de concessões rodoviárias. Assim que forem compartilhados os documentos do processo judicial, o TCU dará prosseguimento às medidas administrativas cabíveis.

    Serviço:

    Telefone: (61) 3316-5060

    E-mail: imprensa@tcu.gov.br

Acompanhe o TCU pelo Twitter e pelo Facebook. Para reclamações sobre uso irregular de recursos públicos federais, entre em contato com a Ouvidoria do TCU, clique aqui ou ligue para 0800-6441500